Publicado por: Ricardo Shimosakai | 12/11/2011

Franklin Roosevelt. O único Presidente Americano com deficiência.


Franklin Delano Roosevelt nasceu em 1882, no Estado de Nova York. Ele freqüentou a Universidade Harvard e a Faculdade de Direito de Colúmbia, em Nova York. Seguindo o exemplo de seu primo em quinto grau, o ex-presidente Theodore Roosevelt (1901-1908), ele entrou para a política. Em 1920 ele foi o candidato democrata à vice-presidência. Em 1921, aos 39 anos, ele foi acometido de poliomielite, demonstrando uma coragem indomável. Ele apareceu dramaticamente de muletas para indicar Alfred E. Smith na Convenção Democrata de 1924. Em 1928 ele se tornou governador de Nova York, o “Empire State” (Estado Imperial).

Ele foi eleito presidente em 1932. No início de 1933 havia 13 milhões de desempregados, e quase todos os bancos tinham fechado. Ele apresentou um amplo programa para ajudar as empresas, a agricultura, os desempregados e aqueles que corriam o risco de execução de hipotecas. Em 1935, o país estava se recuperando, mas empresários e banqueiros se voltaram contra o “New Deal” de Roosevelt. Demonstrando ganância empleno período de crise, eles não gostavam das concessões aos trabalhadores e ficaram horrorizados com déficits no orçamento.

Foi então que Roosevelt respondeu com impostos mais elevados sobre os ricos, controles sobre os bancos e empresas de utilidade pública, um enorme programa de ajuda para os desempregados e um novo programa de reformas: o seguro social. Roosevelt foi reeleito por elevada margem de votos em 1936, 1940 e 1944. Foi o presidente que governou por mais tempo os EUA. Ele buscou uma legislação que levou a uma revolução na lei constitucional. Depois disso o governo poderia legalmente regular a economia.

Ele também buscou por meio de uma legislação de neutralidade manter os Estados Unidos fora da guerra na Europa, mas ao mesmo tempo adotou uma política de “boa vizinhança” para fortalecer os países ameaçados ou atacados. Assim, quando a França caiu e a Inglaterra ficou sitiada em 1940, ele começou a enviar para a Grã-Bretanha toda a ajuda possível que não representasse um envolvimento militar direto. Mas os japoneses atacaram Pearl Harbor em 7 de dezembro de 1941, levando Roosevelt a direcionar rapidamente a organização dos recursos e efetivo para a guerra mundial.

Sentindo que a futura paz do mundo dependeria das relações entre os Estados Unidos e a Rússia, o presidente dedicou muita reflexão ao planejamento da Organização das Nações Unidas, por meio da qual, ele esperava, problemas internacionais poderiam ser resolvidos. À medida que a guerra se aproximava do final, a saúde de Roosevelt deteriorou, e em 12 de abril de 1945, enquanto estava em Warm Springs, Geórgia, ele morreu de hemorragia cerebral.

Dia 11 de janeiro de 2001 em Washington, D.C., o presidente Clinton dedicou uma nova estátua do presidente Franklin D. Roosevelt em uma cadeira de rodas no Memorial FDR em Washington, D.C. na manhã do dia 10 de janeiro de 2001. A estátua, a primeira a retratar um líder mundial utilizando uma cadeira de rodas, está localizada na entrada do Memorial em Potomac Park numa área correspondente a 280 acres, entre os monumentos do Lincoln e do Jefferson.

“Essa dedicação representa uma grande vitória para as pessoas portadoras de deficiências”. O monumento do FDR finalmente reconhecerá a significante experiência de vida do presidente com a deficiência, que moldou as suas qualidades de liderança tais como sua coragem, determinação e compaixão, os quais o capacitaram a liderar a nação com sucesso durante as piores crises do século 20″, disse o presidente Alan Reich da Organização Nacional sobre Deficiência. “Essa estátua suntuosa será uma inspiração para as pessoas deficientes ou não em termos mundiais.”

A estátua de bronze em tamanho natural é trabalho do escultor Robert Graham de Venice, Califórnia, um dos quatro escultores do monumento original. A estátua é uma inspiração de uma pintura do presidente Roosevelt sentado em uma cadeira de rodas que ele desenhou e utilizou diariamente por mais de duas décadas, incluindo o seu governo de New York, a presidência em 1933 até sua morte em 1945. Existem raras fotografias do presidente Roosevelt em sua cadeira de rodas; temendo ramificações políticas, ele fez grandes esforços para demonstrar uma deficiência menor do que ele tinha e a imprensa colaborou com ele nesse aspecto. Mesmo como Presidente dos Estados Unidos, preferia caminhar com a ajuda de um guarda-costas do Serviço Secreto, do que andar de cadeira de rodas.

Nas palavras do presidente do conselho da Organização Nacional sobre Deficiência Michael Deland, que iniciou e conduziu a campanha durante 6 anos para obter aprovação do Congresso e fundos do setor privado para a estátua: “Enquanto Roosevelt escondeu sua deficiência para o público durante toda a sua vida, acreditando que o país não estava pronto para eleger um usuário de cadeira de rodas como Presidente, ele apesar disso permanecia em sua cadeira quando era enaltecido diante de públicos particulares, tais como quando visitou hospitais veteranos. É maravilhoso que o mundo inteiro compartilhará agora essa informação e saberá que o presidente Roosevelt conduziu o país a vitória na 2a Guerra Mundial e durante a Grande Depressão da sua cadeira de rodas. A liderança bem sucedida do presidente Roosevelt prova por toda a eternidade que a sua capacidade, não sua deficiência, deve ser levada em conta.”

Fonte: Sentidos

Anúncios

Responses

  1. a descriminaçao è uma doença à qual so ataca os loucos acometidos de inveja!

  2. Enquanto isto naquela republiqueta sul-americana o presidente foi um analfabeto e agora é uma ex-terrorista …


Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: