Publicado por: Ricardo Shimosakai | 06/02/2012

Rio de Janeiro oferece ingressos do Sambódromo a deficientes


A Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência (SMPD) do Rio abre as inscrições para frisa do setor 13 do Sambódromo, direcionadas às pessoas com deficiência que queiram assistir os desfiles das escolas de samba do Rio de Janeiro. São 300 ingressos gratuitos por dia de desfile e o período de inscrição será de 30 de janeiro a 3 de fevereiro (ou enquanto durarem as vagas), no horário de 09h as 12h e de 13h as 17h, no CIAD Mestre Candeia (Av. Presidente Vargas, 1997 – Cidade Nova).

Qualquer pessoa poderá fazer a inscrição, desde que apresente o comprovante de deficiência e documento de identificação com foto da pessoa com deficiência que será inscrita, além do seu próprio documento de identificação. O RioCard Especial e o Vale Social não serão aceitos como comprovante de deficiência, uma vez que não são destinados somente para as pessoas com deficiência.

Só será aceita uma única inscrição por pessoa e crianças a partir de 10 anos só poderão entrar com o convite. Cada pessoa com deficiência terá direito a somente um acompanhante, exceto as pessoas com alto grau de comprometimento. O convite será entregue de 13 a 16 de fevereiro, de 9h as 17h, também no CIAD Mestre Candeia. Qualquer pessoa poderá retirá-lo desde que apresente o protocolo de inscrição, além do seu próprio documento de identificação. Não teremos entrega de convites no Sambódromo e só será permitida a entrada no Setor 13 com o convite e documento de identificação com foto.

Como chegar ao Sanbódromo

Táxi – da mesma forma que do lado par, há empresas especiais para atender aos setores ímpares, com tarifas preestabelecidas. De qualquer maneira o táxi comum para a ida cobrará a bandeira 2 ou uma tarifa combinada com o passageiro antes de começar a corrida. Para quem sai da zona sul o melhor trajeto é via túnel Santa Bárbara e da zona norte pela Rua Itapiru. Em ambos os casos, o táxi deve passar sobre o Viaduto São Sebastião que segue paralelo ao Sambódromo, onde o passageiro saltará. Logo se avistarão as placas indicativas para a entrada de cada setor.

Metrô – saindo da zona norte ou da zona sul, a estação de descida é a Central. Daí seguir a pé até o Sambódromo, cujo trajeto é longo, de aproximadamente 700 metros, passando junto dos carros alegóricos das escolas e do Terreirão do Samba.

Ônibus – saindo da zona sul ou da zona norte é preciso certificar-se que a linha esteja passando por cima do Viaduto São Sebastião, porque durante o carnaval os trajetos de muitas linhas de ônibus são alterados.

Fonte: Correio do Brasil


Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: