Publicado por: Ricardo Shimosakai | 28/04/2012

Tecnologia que substitui cadeira de rodas oferece maior autonomia ao deficiente físico


Pesquisadores da Turquia desenvolveram um dispositivo capaz de trazer maior mobilidade e autonomia aos movimentos dos deficientes físicos e, quem sabe, futuramente, tornar obsoleta a cadeira de rodas. Trata-se do Dispositivo Tek de Mobilidade Robótica, que também permite que a pessoa permaneça em pé, o que é importante para manter as funções básicas de saúde para quem possui lesão na medula espinhal.

Com o dispositivo, o deficiente físico YusufAdturkoglu, que perdeu os movimentos da cintura pra baixo após cair de um cavalo há 5 anos, executa atividades sem a ajuda de ninguém. Através de um controle remoto, ele “chama” o Tek para perto da cama e a entrada pela traseira do aparelho facilita a acomodação de Yusuf que vai ao banheiro, ao supermercado, pode sentar em bancos, agachar e levantar com maior autonomia.O dispositivo tem um sistema de suporte de cintos e envolvem o usuário na parte inferior das costas e se agarram ao braço móvel.Não requer nenhum esforço de qualquer espécie.

Claro que muitos dos problemas que cadeirantes possuem com acessibilidade, os usuários do dispositivo Tek também terão, porém, essa nova tecnologia, além de ajudar na saúde do deficiente, também o torna menos dependente. Confira abaixo a demonstração do Dispositivo Tek de Mobilidade Robótica que está em fase de testes nas clínicas da Turquia e será fabricado em 5 tamanhos.

Este avanço robótico e medidas terapêuticas apenas metade cadeira de rodas tradicional é feita de aço inoxidável, pesa 80 quilos e é alimentado por duas baterias de gel. tem autonomia de 14,4 km e atinge uma velocidade máxima de 3, 2 milhas por hora, osusuários podem levar até 90 kg. Dispositivo robótico Mobilização Tek não é um novo tipo de cadeira de rodas, mas uma plataforma nova mobilidade, será vendido na Turquia e na Europa por US $ 15.000.

Fonte: Adrenaline


Respostas

  1. Que maravilha! Deus abençõe os cientistas que se empenham em descobrir e desenvolver aparelhos como este, que dão melhor qualidade de vida ao lesado medular…apesar de sabermos que poucos terão acesso a tal evolução!

    • As tecnologias são boas, porém é preciso pensar nas soluções que proporcionem acessibilidade com autonomia, menos possibilidade de falhas, e baixo custo. Por exemplo, ao invés de ter que utilizar uma cadeira stand-up como essa, é organizar os produtos de forma acessível nas prateleiras.


Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: