Publicado por: Ricardo Shimosakai | 22/06/2012

Roteiro integrado “Brasil Central” estuda a implementação plena da acessibilidade


Dando continuidade ao trabalho de construção de um roteiro integrado entre os três estados da região Centro-Oeste, aconteceu em Poconé (104 Km ao Sul de Cuiabá), a quarta etapa do Plano de Desenvolvimento do Turismo do Brasil Central.

O estudo esta sendo desenvolvido pela empresa Barcelona Media, da Espanha, por meio de um Projeto de Cooperação Técnica Internacional com a Associação Brasileira dos Sebrae Estadual (Abase) e envolve a iniciativa privada, o trade e o poder público. O cronograma de atividades será executado de fevereiro a setembro deste ano.

As cidades de Mato Grosso inseridas no Plano são Poconé e Chapada dos Guimarães; em Goiás – Chapada dos Veadeiros e Pirenópolis; Mato Grosso do Sul – Bonito e Corumbá; e no Distrito Federal – Brasília.

Para o prefeito de Poconé, Arlindo Márcio Morais, o Pantanal é o grande diferencial do roteiro integrado Brasil Central. Ele acredita que a oportunidade é um desafio que será superado. “Estamos na expectativa de poder contribuir e colocar em prática o que for salientado no estudo. O mundo precisa conhecer o Pantanal de Mato Grosso”, argumentou.

Para a secretária de Desenvolvimento do Tursimo de Mato Grosso, Teté Bezerra, no primeiro momento o objetivo do Plano é proporcionar novas visões e experiências de benchmarking internacional para os membros do trade turístico do Brasil Central e também a incorporação de iniciativas bem sucedidas no setor, através de intercâmbio para transferência de metodologias aplicadas em Barcelona.

A secretária destaca ainda que Barcelona focou no desenvolvimento e aproveitamento da cultura local, reorganização urbanística, integração da população local, a implementação plena da acessibilidade e o aproveitamento dos grandes eventos, como a Olimpíada 1994 e o Fórum Universal de Cultura, em 2004. “São referências bem sucedidas que vamos construir um modelo ideal para formatar os nossos produtos turísticos. A experiência de Barcelona é maravilhosa. A cidade aproveita tudo e transforma em roteiro turístico”, disse.

A representante do Sebrae/MT, Marisbeth Maria Gonçalves, explicou que nas duas primeiras etapas do Plano os consultores foram in loco conhecer cada Estado e as cidades determinadas. Já a terceira etapa consistiu na viagem de Conhecimento do Projeto de Desenvolvimento do Turismo no Brasil Central, no mês de maio, na cidade de Barcelona, na Espanha, por tratar-se um referencial em processos de desenvolvimento do setor de Turismo.

Ela desta que o próximo passo é analisar os pontos prioritários de cada Estado. Os resultados deverão ser apresentados em seminários futuros para culminarem na definição de estratégias comuns. Por fim, o trabalho irá gerar um plano oficial de desenvolvimento do Brasil Central no âmbito do turismo. O documento servirá como diretriz para a atual e para as próximas gestões. “O Brasil tem grande potencial natural que precisam ser explorados. Precisamos aproveitar duas grandes ocasiões que é a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016”, destacou.

Na oficina em Poconé colaboraram representantes de empresas privadas e do receptivo, além da representante do Conselho de Turismo de Chapada dos Guimarães, Sônia Bezerra, e o secretário do Turismo de Poconé, Guilherme Arruda.

Fonte: O Documento


Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: