Publicado por: Ricardo Shimosakai | 16/04/2013

Casa Civil envia à Infraero relatório sobre situação da acessibilidade nos aeroportos


Sinalização visual de embarque em AeroportosSinalização visual de embarque em Aeroportos

A Casa Civil da Presidência da República enviou esta semana um relatório à Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) sobre a situação de acessibilidade de pessoas com deficiência nos aeroportos do pais. O relatório foi feito pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU) e aponta diversas falhas nos principais terminais que irão receber passageiros para os jogos da Copa das Confederações, em julho, e da Copa do Mundo de 2014.

A falta de acessibilidade em lojas, restaurantes e balcões dos terminais, a ausência de funcionários que saibam interpretar a Língua Brasileira de Sinais (Libras) e a inexistência de material informativo em braile foram os principais problemas que constam do relatório. Também foi verificado que em todos os aeroportos não existe número suficiente de ambulifit (espécie de elevador) para o embarque e desembarque do cadeirante.

O documento ressalta ainda a inexistência, em alguns aeroportos, de piso tátil e sinalização adequada para indicar aos cegos e surdos como chegar ao balcão da Infraero, de modo que lá eles possam receber assistência para o embarque. As áreas externas dos terminais, como calçadas e estacionamentos, também não estão adequadas para a passagem de cadeiras de rodas e pessoas com deficiência visual.

As vistorias foram feitas nos terminais de Brasília, São Paulo, Fortaleza, do Recife, Rio de Janeiro, de Belo Horizonte e Salvador. O levantamento foi elaborado a pedido do Ministério das Cidades e da Infraero e contou com a colaboração do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea) e da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República. A Casa Civil informou que o material foi encaminhado para a Infraero a fim de que as falhas sejam corrigidas.

Fonte: O Tempo


Respostas

  1. Prezado Ricardo,Recebo sempre teus email com muitas informaes interessantes, obrigada!aos poucos estamos conseguindo que alguns municpios e Estados faam Leis proibindo os vasos sanitrios com fenda frontal nos banheiros adaptados para Pessoa com deficincia. Mas ainda no notei nos Aeroportos…continua tudo igual!!!AbraoSilna Lampert Date: Tue, 16 Apr 2013 15:01:11 +0000 To: silna_lampert@hotmail.com

    • Não é só esse ítem que precisa melhorar nos aeroportos. E não só a acessibilidade material, mas também o atendimento, ainda continua muito falho e trazendo diversos problemas

  2. Além de todas estas “deficiências” dos aeroportos tem outro que não foi citado que é nos banheiros para as Pessoas com Deficiência estarem instalados uns vasos sanitários com uma fenda frontal, dificultando e em alguns casos causando acidentes graves ao público a quem é destinado. Um absurdo!! Sofro enormemente cada vez que viajo e preciso usar um banheiro com aquele vaso sanitário. fico sem alternativa, pois são os únicos banheiros que consigo entrar com minha cadeira de rodas.

    • Este tipo de vaso sanitário foi criado para uso hospitalar, para que enfermeiros pudesse auxiliar os pacientes com mais facilidade, e mesmo assim não é tão funcional. Para quem não tem controle de pernas e quadril é bem desconfortável, e como disse perigoso. O problema é que associam a deficiência com uma pessoa doente, e até mesmo fabricantes colocam este produto com o título de vaso sanitário acessível. Mas estamos mudando, em São Paulo, recentemente foi criada uma norma proibindo sua utilização.


Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: