Publicado por: Ricardo Shimosakai | 22/05/2013

Jornada Mundial da Juventude Rio2013 se prepara para acolhida aos peregrinos com deficiência


É costume o Papa beijar bebés e crianças durante as deslocações que faz entre a multidão que o quer ver. Papa Francisco deu o seu afecto e bênção a um rapaz especial, que também o abraçou.É costume o Papa beijar bebés e crianças durante as deslocações que faz entre a multidão que o quer ver. Papa Francisco deu o seu afeto e bênção a um rapaz especial, que também o abraçou.

A menos de três meses da JMJ Rio2013, mais de 200 voluntários foram convocados para um dia de formação especial: eles foram selecionados para cuidar dos peregrinos com deficiência durante o evento. O treinamento, o primeiro dentre vários até a semana da Jornada, envolve voluntários diocesanos, ou seja, da Arquidiocese do Rio de Janeiro.

A organização dividiu em quatro grandes grupos a atenção às pessoas com deficiência: cegos, surdos, cadeirantes e pessoas com paralisia cerebral e pessoas com deficiência intelectual. A cada uma delas é garantida a atenção às diferentes realidades de deficiência. Vale ressaltar que os voluntários não serão acompanhantes, mas auxiliarão pontualmente nas necessidades específicas.

Na formação, os voluntários vão conhecer as definições de conceitos de cada uma dessas áreas. Na oportunidade estarão presentes vários grupos e organizações que trabalham com pessoas com deficiência, como o Grupo FCD (Fraternidade Cristã de pessoas com Deficiência), movimento ecumênico formado por cadeirantes; o Movimento Fé e Luz, grupo católico que acolhe pessoas com deficiência intelectual; e da Arquidiocese do Rio de Janeiro, participarão a Pastoral dos Surdos e a Catequese Especial, que trabalha com crianças e jovens autistas.

Os detalhes sobre as atenções a cada grupo serão passados pelas próprias pessoas com deficiência, com a participação de 40 surdos, 10 cadeirantes e uma pessoa cega com seu cão guia. Segundo César Bacchim, responsável pelas medidas de acessibilidade e comunicação às pessoas com deficiência na JMJ Rio2013, a interação e convivência entre os voluntários e as pessoas com deficiência no treinamento já faz parte da formação, fazendo com que os jovens tenham mais contato com as diversas realidades que encontrarão em julho, durante a Jornada.

A formação vai acontecer neste sábado, dia 27, das 9h às 13h, no Auditório do Edifício João Paulo II, que fica na rua Benjamin Constant, 23, 2º andar, na Glória, no Rio de Janeiro. Mais informações pelo telefone 2292-3132, ramal 250.

Como será a participação do peregrino com deficiência na JMJ Rio2013?

O peregrino com deficiência precisa deixar claro que deseja uma hospedagem diferenciada e a natureza específica de sua necessidade deve ser indicada durante o processo de inscrição. A organização do evento entende que os grupos daqueles que não optam por essa opção vão prover o que é necessidade de um cadeirante, por exemplo, durante a JMJ.

A equipe de organização ainda está elaborando medidas mais específicas de acessibilidade e comunicação. Algumas medidas são comuns a todos os peregrinos com deficiência. Entre elas:

> Cada peregrino terá sinalizado em seu crachá a cor e o símbolo internacional relacionado a sua deficiência para identificação, conforme já utilizado na ONU, nos órgãos governamentais e na Igreja.

> Todas as pessoas com deficiências serão tratadas como peregrinos e serão alocados conforme o idioma do país de origem.

> No Festival da Juventude, as apresentações que contam com serviços de interpretação e acessibilidade aos peregrinos com deficiência serão indicadas em panfletos da programação, com os símbolos internacionais.

> A hospedagem é oferecida para o peregrino com deficiência e seu acompanhante e, nestes casos, a JMJ oferece transporte diferenciado para o peregrino participar dos Atos Centrais. No caso da Vigília.

> As pessoas com deficiência terão um espaço garantido próximo ao palco dos Atos Centrais e nas Catequeses. Desde que elas estejam com suas credenciais, terão acesso a esse espaço, pois quanto mais próximo ao Santo Padre, maior a segurança. As pessoas com deficiência não serão obrigadas a ficarem nesse espaço especial. Se desejar participar dos Atos Centrais em outros setores do Campus Fidei (Guaratiba) ou fora do local especial na Praia de Copacabana, poderá fazê-lo. Somente os peregrinos com cadeirantes e com alguma deficiência de locomoção serão transportados em veículos adaptados até Guaratiba, para participar da Vigília (no sábado, dia 27) no Campus Fidei.  Quem optar por participar destes Atos Centrais deverão permanecer a noite toda no local até o final da Missa de Envio, no domingo, quando veículos adaptados voltam para buscar os peregrinos desse grupo.Os demais participarão com outros inscritos na peregrinação até o local e a volta.

Algumas medidas já estão sendo tomadas em cada peregrino dos grupos para garantir a participação. Entre elas:

> Cadeirantes e pessoas com paralisia cerebral: em todos os Atos Centrais haverá acessibilidade para cadeiras de rodas em locais próximos ao palco, ponto fundamental para a participação na praia de Copacabana, por exemplo. Banheiros e rampas aos cadeirantes estarão disponibilizados nos principais locais da JMJ Rio2013, como nos Atos Centrais, Catequeses, Feira Vocacional e Festival da Juventude.

> Surdos: nos Atos Centrais, haverá intérpretes de LIBRAS (linguagem brasileira de sinais) nos telões que retransmitem as atividades do palco. Os peregrinos com deficiência auditiva de outros países não terão catequese diferenciada, já que é comum eles viajarem com intérpretes para fazer a tradução do que for dito.

> Cegos: a versão resumida da programação da JMJ Rio2013 e informações gerais serão traduzidas em grafia Braille (sistema de leitura com o tato para cegos) para a Língua Portuguesa e entregue ao peregrino com essa deficiência.

> Pessoas com deficiência intelectual: o maior cuidado é que seja garantido o espaço especial próximos do palco dos Atos Centrais. A necessidade de um acompanhante nesse caso se torna indispensável para a participação do peregrino.

Para mais informações sobre as questões de acessibilidade e comunicação, envie um e-mail para disability@rio2013.com.

Fonte: JMJ Rio2013


Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: