Publicado por: Ricardo Shimosakai | 26/05/2016

Suiço quer transformar associação em receptivo


Jonas Souza e Michael Peneveyre, da Associação Rodas da LiberdadeJonas Souza e Michael Peneveyre, da Associação Rodas da Liberdade

A Associação Rodas da Liberdade, que tem à frente o cadeirante suíço Michel Peneveyre, que mora em Porto de Galinhas, quer se tornar agência de receptivo, oficialmente. Na verdade, a entidade já trabalha, de forma não remunerada, no auxílio a turistas com deficiência física ou dificuldade de locomoção.

Recentemente, a associação lançou, através da Empetur, o projeto Turismo sem Barreiras, que é custeado pela Prefeitura de Ipojuca, município onde está Porto de Galinhas. A hotelaria do balneário, segundo Peneveyre, está se preparando bem no item acessibilidade, com muitas unidades habitacionais adaptadas.

“Criamos passeio de jangada adaptado, mergulho adaptado e até passeios de caiaque e de stand up paddle para deficientes. Atendemos em Porto de Galinhas a todos os turistas portadores de algum impedimento físico. Tudo de forma voluntária, mas precisamos de recursos e vamos profissionalizar nossa atividade”, comenta o suíço que nasceu em Lausanne.

Outro foco da Rodas da Liberdade, que tem uma van adaptada para traslados e passeios, é a doação de cadeiras de roda para pessoas carentes. Há 20 anos, diz o presidente da entidade, esse trabalho de assistência é realizado com recursos que vêm da Suíça.

Fonte: Panrotas


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: