Publicado por: Ricardo Shimosakai | 28/08/2016

Canoagem Velocidade. Paralimpíadas Rio 2016.


A bordo de caiaques, os atletas devem completar no menor tempo possível um trajeto de 200m em linha reta em águas calmasA bordo de caiaques, os atletas devem completar no menor tempo possível um trajeto de 200m em linha reta em águas calmas

COMO TUDO COMEÇOU

Da América do Norte, passando pela Polinésia até a Groenlândia, os caiaques tiveram diferentes utilidades históricas. Usados inicialmente para caça e pesca, eram feitos com pele animal esticada sobre uma estrutura de madeira. Corridas de canoagem tornaram-se mais populares no início do século XX, e os anos 1930 foram cruciais para expandir sua popularidade. A canoagem velocidade fez sua estreia oficial nos Jogos em Berlim 1936, e, desde então, tornou-se permanente no programa Olímpico.

A canoagem Paralímpica teve seu primeiro Campeonato Mundial realizado em 2010, na Polônia, e é uma das disciplinas a estrear no programa Paralímpico no Rio 2016. Por ser muito recente, a disputa ainda é restrita a atletas com deficiências físico-motoras.

SOBRE A COMPETIÇÃO

Enquanto nos Jogos Olímpicos as provas acontecem em dois tipos de barco, canoa e caiaque (identificados pelas letras C – canoe, em inglês – e K – kayak –, respectivamente), nos Jogos Paralímpicos haverá apenas eventos em caiaques. As provas são em percursos de 200 metros, em linha reta, e vence o atleta que completar a distância no menor tempo.

Os eventos começam com cinco baterias, cada uma com dois barcos. O vencedor de cada bateria avança diretamente à final, com os demais competidores avançando às semifinais. Em seguida, os três melhores classificados nas semifinais disputam a final. Existem três classes funcionais nos eventos de canoagem Paralímpica: KL1 (soma de três pontos), KL2 (quatro a sete pontos) e a KL3 (oito ou nove pontos). No sistema de classificação funcional, o atleta obtém pontuação de acordo com o seu potencial de movimentação de pernas, tronco e uma avaliação na água durante a remada. Quanto maior a pontuação, maior o potencial funcional do atleta.

VOCÊ SABIA?

Tetracampeão mundial, bi no Pan-Americano e tri no Sul-Americano, o paulista Fernando Fernandes ficou conhecido por participar de um reality show antes de sofrer o acidente que o deixou paraplégico.

Para ter informações mais completas a respeito desta modalidade e qual a melhor maneira de assisti-la nos Jogos Paralímpicos, baixe o guia a seguir clicando no link Rio 2016. Guia do espectador – Canoagem Velocidade

Fonte: Rio 2016


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: